Compliance

Google paga 350 milhões após data leak

A Google chegou a um acordo após a rede social Google Plus – que já não existe – ter exposto milhões de dados de utilizadores a developers externos

07/02/2024

Google paga 350 milhões após data leak

A Google chegou a acordo para pagar 350 milhões de dólares para resolver uma ação judicial coletiva de longa data focada numa falha de segurança no Google Plus – uma rede social já extinta – que expôs milhões de dados de utilizadores a developers externos.

Nos termos do acordo, a Google negou que os utilizadores tenham sofrido danos resultantes da falha, assumindo que a ação judicial tenha apresentado “defesas meritórias para as reivindicações alegadas”. A tecnológica procurou resolver o processo para evitar litígios continuados.

O processo em questão data de outubro de 2018 quando foram publicadas notícias de que a Google descobriu que os dados pessoais dos utilizadores estiveram expostos durante anos, mas permaneceu em silêncio sobre o tema.

Em dezembro, a Google também resolveu uma ação movida por utilizadores do browser Chrome que foram seguidos no modo de navegação anónima.


NOTÍCIAS RELACIONADAS

RECOMENDADO PELOS LEITORES

REVISTA DIGITAL

IT SECURITY Nº18 Junho 2024

IT SECURITY Nº18 Junho 2024

NEWSLETTER

Receba todas as novidades na sua caixa de correio!

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.