News

Diretor do FBI mostra-se preocupado com programa de IA da China

Durante o World Economic Forum, em Davos, Christopher Wray, do FBI, mostrou-se “profundamente preocupado” com o programa de inteligência artificial do governo chinês

23/01/2023

Diretor do FBI mostra-se preocupado com programa de IA da China

As ambições do programa de Inteligência Artificial (IA) da China são construídas “em cima de enormes tesouros de propriedade intelectual e dados confidenciais que roubaram ao longo dos anos”, referiu Christopher Wray, diretor do FBI, durante o World Economic Forum, em Davos, na última semana.

O diretor norte-americano indicou estar “profundamente preocupado” com o programa do governo chinês, até porque a China pode utilizar os avanços em inteligência artificial para avançar as suas operações de hacking, roubo de propriedade intelectual e repressão de dissidentes dentro e fora do país.

Citado pela Associated Press, Wray indicou que “a IA é o exemplo clássico de uma tecnologia onde tenho sempre a mesma reação. Penso ‘uau, conseguimos fazer isto?’ e depois penso ‘meu Deus, eles podem fazer isto’”.

Essas preocupações têm sido expressas pelas autoridades norte-americanas nos últimos tempos. Em outubro de 2021, oficiais norte-americanos emitiram alertas sobre as ambições da China em inteligência artificial como parte de um esforço renovado para informar executivos, académicos e funcionários do governo sobre os riscos de aceitar investimentos chineses em setores importantes.


NOTÍCIAS RELACIONADAS

RECOMENDADO PELOS LEITORES

REVISTA DIGITAL

IT SECURITY Nº10 Fevereiro 2023

IT SECURITY Nº10 Fevereiro 2023

NEWSLETTER

Receba todas as novidades na sua caixa de correio!

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.