Threats

Líderes do FBI e do MI5 emitem alerta sobre espionagem da China

Christopher Wray, diretor do FBI, e Ken McCallum, diretor-geral do MI5, emitiram advertências aos líderes empresariais sobre as ameaças representadas pela espionagem da China. O aviso foi dado esta quarta-feira, na sede da MI5, em Londres

07/07/2022

Líderes do FBI e do MI5 emitem alerta sobre espionagem da China

O chefe do FBI e o líder da agência britânica de inteligência interna (MI5) alertaram os líderes empresariais de que “Pequim está determinado a roubar a sua tecnologia para ganhos competitivos.

Segundo o The Guardian, que avança com a notícia, Christopher Wray, diretor do FBI, e Ken McCallum, diretor-geral do MI5, emitiram advertências aos líderes empresariais sobre as ameaças representadas pela espionagem da China, especialmente destinadas a roubar propriedade intelectual de empresas de tecnologia ocidentais. O aviso foi dado esta quarta-feira, na sede da MI5, em Londres.

Temos assistido consecutivamente que é o governo chinês que representa a maior ameaça a longo prazo para a nossa segurança económica e nacional, e refiro-me a ambas as nossas nações, juntamente com os nossos aliados na Europa e noutros países”, afirmou Wray enquanto discursava aos jornalistas.

De acordo com as alegações feitas por Wray e McCallum, “a China usa hackers patrocinados pelo Estado, para obter acesso à tecnologia que considera importante.”

De forma contornar esta problemática, o FBI revelou que tem aberto uma nova investigação na China a cada 12 horas, aproximadamente. Por seu lado, McCallum alegou que o MI5 tem realizado sete vezes mais investigações sobre atividades suspeitas na China agora do que em 2018.

No entanto, um porta-voz da embaixada chinesa em Washington, Liu Pengyu, já rejeitou as acusações dos líderes ocidentais. Numa declaração enviada por e-mail à Associated Press, afirmou que a China “opõe-se firmemente e combate todas as formas de ciberataques” e classifica as acusações infundadas. “Nunca encorajaremos, apoiaremos ou toleraremos ciberataques”, cita o The Guardian.


NOTÍCIAS RELACIONADAS

RECOMENDADO PELOS LEITORES

REVISTA DIGITAL

IT SECURITY Nº18 Junho 2024

IT SECURITY Nº18 Junho 2024

NEWSLETTER

Receba todas as novidades na sua caixa de correio!

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.