News

Cisco garante que ciberataque não impactou negócio e serviços

Credenciais de funcionário foram comprometidas depois do atacante ter garantido o controlo de uma conta pessoal no Google

15/09/2022

Cisco garante que ciberataque não impactou negócio e serviços

Depois de ter sido alvo de um ciberataque em maio deste ano, a Cisco veio agora confirmar que os dados da lista de documentos publicados na dark web foram agora divulgados no mesmo local.

A empresa admite, contudo, que o ataque de ransomware não terá provocado impacto no negócio, nomeadamente produtos, serviços, dados confidenciais de clientes e empregados e operações ao nível da supply chain. Em comunicado, publicado a 11 de setembro, a empresa garantiu ter implementado medidas para aumentar a segurança dos sistemas.

Durante a investigação ao caso, a empresa descobriu que as credenciais de um funcionário foram comprometidas depois do atacante ter garantido o controlo de uma conta pessoal no Google.

De acordo com a Cisco, o cibercriminoso, com ligações ao grupo UNC2447, ao Lapsus$, e aos grupos de resgate de Yanluowang, recorreu a uma série de ataques de phishing de voz sob disfarce de várias organizações. Tentou convencer as vítimas a aceitar notificações push de multi factor authentication (MFA), tendo conseguido obter a aceitação de uma MFA e, consequentemente, o acesso à VPN.

Uma vez no sistema, o cibercriminoso realizou uma série de atividades para manter o acesso, minimizar o rasto e, ao mesmo tempo, aumentar o nível e acesso aos sistemas dentro do ambiente. Foi depois removido do sistema, tentando repetidamente recuperar o acesso nas semanas que se seguiram ao ataque.


NOTÍCIAS RELACIONADAS

RECOMENDADO PELOS LEITORES

REVISTA DIGITAL

IT SECURITY Nº8 Outubro 2022

IT SECURITY Nº8 Outubro 2022

NEWSLETTER

Receba todas as novidades na sua caixa de correio!

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.